16º Congresso Brasileiro de Clínica Médica

Página Inicial » Inscrições Científicas » Trabalhos

Dados do Trabalho


Título

RELATO DE CASO – SÍNDROME DE FOURNIER

Fundamentação/Introdução

A Síndrome de Fournier é causada por proliferação polimicrobiana que evolui com gangrena local, comprometendo principalmente as regiões genital, perineal e perianal. Possui rápida evolução e pode complicar com sepse, falência orgânica e óbito.

Objetivos

Discorreremos sobre a Síndrome de Fournier em sua apresentação grave, com o intuito de evidenciar a importância do tratamento precoce para redução da mortalidade e influência de comorbidades para esse desfecho.

Delineamento e Métodos

Relato de caso

Resultados

D.G, 46 anos, sexo masculino, portador de insuficiência renal aguda, trazido à emergência de um hospital público após denúncias de negligência familiar, pelo desenvolvimento de escaras em região perineal e necrose associada à secreção purulenta em glúteo e joelho esquerdos, iniciados há 20 dias. À admissão encontrava-se afebril, acianótico, hidratado e lúcido. Foram colhidas amostras das lesões para cultura. Os exames iniciais apresentaram 36280 leucócitos com aumento de mielócitos, plaquetose, glicemia de jejum 280mg/dL, enzimas hepáticas elevadas, CKMB 79 ng/dL, CPK 3433U/I, hiperpotassemia, Lactato de 3,4mmol/L, acidose metabólica e PCR de 79,64. Iniciou-se antibioticoterapia de largo espectro imediatamente e no segundo dia debridou-se os tecidos desvitalizados. No terceiro dia evoluiu com rebaixamento de consciência, redução de pulsos das artérias poplítea e femoral esquerda e instabilidade hemodinâmica, levando à intubação e uso de 55ml/h de Noradrenalina. No quarto dia apresentava edema e eritema em abdome inferior e em membros inferiores, irresponsivo às terapias instituídas, sendo encaminhado à leito de terapia intensiva, apresentando 39 pontos nos critérios de APACHE II. No quinto dia, em consequência de choque séptico não responsivo às medidas intervencionistas, evoluiu a óbito.

Conclusões/Considerações Finais

A Síndrome de Fournier é uma infecção polimicrobiana que inicia no tecido celular subcutâneo e fáscia muscular da região perineal e genital, podendo acometer tecidos adjacentes.
Dela, pode advir sepse, falência orgânica e morte. Nosso paciente possuía fatores predisponentes para o desenvolvimento da síndrome, além de fragilidade social o que contribuiu para o desfecho do caso.
Apresenta altas taxas de mortalidade. Diagnóstico precoce, tratamento adequado e imediato associados a suporte clínico intensivo são essenciais para o prognóstico. Atraso na intervenção predispõe a quadro desfavorável, desenvolvimento de sepse, evolução para choque e óbito.

Palavras Chave

Gangrena de Fournier

Área

Clínica Médica

Instituições

UFMT - Mato Grosso - Brasil

Autores

EVERTON JOI DA SILVA TINOCO FILHO, MARIANA MITIE MENDES YAMADA, VICTOR MARTINELLI PRETO