16º Congresso Brasileiro de Clínica Médica

Página Inicial » Inscrições Científicas » Trabalhos

Dados do Trabalho


Título

Amaurose Súbita e Pico monoclonal como Manifestações Precoces da Síndrome de Sjögren (SS)

Fundamentação/Introdução

A síndrome de Sjögren (SS) é doença sistêmica inflamatória crônica, de etiologia auto-imune, com distribuição mundial. Seu quadro clínico é responsável por considerável impacto na qualidade de vida de pacientes com esta patologia. As glândulas lacrimais e salivares são os principais órgãos afetados pela infiltração linfo-plasmocitária, originando disfunções que desencadeiam quadro clássico de xeroftalmia (olhos secos) e xerostomia (boca seca). Outros órgãos também podem ser afetados.

Objetivos

O seguinte trabalho tem por objetivo valorizar a forma precoce do diagnóstico, investigação de diagnósticos diferenciais ,avaliação de sintomas atípicos e tratamento adequado que impacta diretamente na qualidade de vida do paciente.

Delineamento e Métodos

Paciente 47 anos, cantora, nuligesta, negra natural e procedente de São Paulo.
HPP HAS em tratamento regular com losartan
HDA : Paciente encaminhada do ambulatório da oftalmologia devido à amaurose súbita a esquerda, TC de crânio normal. A oftalmo fez a hipótese de trombose de disco optico/ trombose de retina.
Realizada campimetria, comprometida a esquerda, porém arteriografia retiniana normal.

Avaliação pra trombofilias negativa, pensado hipótese de hiperviscosidade, foram solicitados novos exames laboratoriais que evidenciaram pico sérico (3.711) e urinário de IgG, FAN pontilhado grosso (+) 1:1280. Anti SM( - ), Anti Ro (+),Anti La ( + ) e
anti RNP( - ). Sem sinais de lesão óssea, eletrólitos normais e função renal normal.
Sorologias negativas para, Sifilis, EBV,CMV, Vírus B e C, Toxoplasmose e HIV.
Ao exame físico paciente se apresentava oligossintomática, com queixa de turvação visual a esquerda e tosse/boca seca que atirbuiu ao fato de ser cantora e estar fazendo muitas apresentações e ensaios na época.

Resultados

Feita a hipótese de mono neurite óptica pela equipe de neuro oftlmologia, aventou-se a hipótese de Síndrome de Sjögren , visto a história clínica e exames laboratoriais.

Solicitada Biópsia de glândula salivar que evidenciou , infiltração linfocitária.
Realizado teste de Schirmer com resultado positivo.

Conclusões/Considerações Finais

A avaliação dos diagnósticos diferenciais tem suma importância na prática clínica, ainda que com sinais e sintomas atípicos para a doença diagnosticada.

Palavras Chave

Síndrome de Sjögren, Amaurose, Mononeurite, Gamopatia monoclonal

Área

Clínica Médica

Autores

HAMILTON NERE MORAES JUNIOR, THIAGO BURIL FONTES, SARAH TUCCI DE BIASO, BRUNO TONIAZZO, BRUNA VANESSA NUNES